seiraoficial (@seiraoficial)

seiraoficial

@seiraoficial

Todos os direitos reservados. Poemas da poeta brasiliense Seirabeira. Rima nua e crua: tudo vale a minha Pena. Lançamento do 1 📕2/2017. IG: 16/4/17

  • 410 Posts

  • 976 Followers

  • 290 Following

A um poeta magistral das Gerais que se radicou nos arredores da Guanabara. Obrigada pelo gatilho “sofrer de banzo”, @dadocorrea. Fica como homenagem à sua pessoa e poesia. 🙏🏻 #poemas #poetas #poetizar #escrita #escrever #escritores #banzo #melancolia #saudade #minasgerais #riodejaneiro

seiraoficial (@seiraoficial)


A um poeta magistral das Gerais que se radicou nos arredores da Guanabara. Obrigada pelo gatilho “sofrer de banzo”, @dadocorrea. Fica como homenagem à sua pessoa e poesia. 🙏🏻 #poemas #poetas #poetizar #escrita #escrever #escritores #banzo #melancolia #saudade #minasgerais #riodejaneiro

Não quero nada
do que você não tem.
Eu quero tudo
o que você é.

Poema de Seirabeira 
#poesia #poetasdeinstagram #poemas #escritoresdeinstagram #escritores #propriedadeintelectual #direitoautoral

seiraoficial (@seiraoficial)


Não quero nada do que você não tem. Eu quero tudo o que você é. Poema de Seirabeira #poesia #poetasdeinstagram #poemas #escritoresdeinstagram #escritores #propriedadeintelectual #direitoautoral

Não dará tempo dos ritos. De enviar uma mensagem criptografada e tirar-lhe os códigos. Nem de trocar a areia da praia. Será linguagem de pálpebra, de pulso elétrico, de retina  captada. Quero sentir a energia que já sentes e sabes que te sei em silêncio como me sabes. Não há escudos quando somos completamente mudos. Nessa hora, sabemos-nos vestes atiradas ao tornozelo, um embolar de tecidos transparentes, a linha desfiada. Inútil se quisessem as chapas de aço ou as teias da armadeira encobrir o sim da entrega. Vou te dizer com os verbos dos cartórios e com os códigos de barra da compota o que escutas de minha boca percebida no ouvido insone, nessas fitas mentais rebobinadas no teto e no desconhecido que acabou de desabar e te infiltrar mais vida. Vem para minha frente, porque já intimo o pouso da tua pupila nas cercanias dos meus olhos. Tem um canal seco na ponta extrema da lonjura e nascentes profusas abaixo do queixo. Então vem. Pra eu espumar ainda mais o que sinto e fazer fremir nos teus pelos em riste meus esconderijos, os cofres do espírito, as gavetas de dentro.

Seirabeira 
#poetasdeinstagram #escritoresdeinstagram #poesia #peosapoetica #silencio #camposutil #inconsciente

seiraoficial (@seiraoficial)


Não dará tempo dos ritos. De enviar uma mensagem criptografada e tirar-lhe os códigos. Nem de trocar a areia da praia. Será linguagem de pálpebra, de pulso elétrico, de retina captada. Quero sentir a energia que já sentes e sabes que te sei em silêncio como me sabes. Não há escudos quando somos completamente mudos. Nessa hora, sabemos-nos vestes atiradas ao tornozelo, um embolar de tecidos transparentes, a linha desfiada. Inútil se quisessem as chapas de aço ou as teias da armadeira encobrir o sim da entrega. Vou te dizer com os verbos dos cartórios e com os códigos de barra da compota o que escutas de minha boca percebida no ouvido insone, nessas fitas mentais rebobinadas no teto e no desconhecido que acabou de desabar e te infiltrar mais vida. Vem para minha frente, porque já intimo o pouso da tua pupila nas cercanias dos meus olhos. Tem um canal seco na ponta extrema da lonjura e nascentes profusas abaixo do queixo. Então vem. Pra eu espumar ainda mais o que sinto e fazer fremir nos teus pelos em riste meus esconderijos, os cofres do espírito, as gavetas de dentro. Seirabeira #poetasdeinstagram #escritoresdeinstagram #poesia #peosapoetica #silencio #camposutil #inconsciente

Amo tanto esse poema... Drummond: “a balada do amor através das idades”. Excerto.

#drummond #excerto #declamar #dizerapoesia

seiraoficial (@seiraoficial)


Amo tanto esse poema... Drummond: “a balada do amor através das idades”. Excerto. #drummond #excerto #declamar #dizerapoesia